Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Ato de Conscientização pelos Golfinhos de Taiji – Japão

No dia 25 de novembro, às 11:00 da manhã, na Praça da Liberdade, haverá um Ato de Conscientização pelos Golfinhos de Taiji – Japão. Contamos com a sua presença !

Página do evento:
https://www.facebook.com/events/298442023602609/?fref=ts

23965


Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Baleias brancas são capazes de imitar a voz humana, revela estudo

Terça-feira, 23 de Outubro de 2012

Fonte: G1

120412_beluga_gravida2

Baleia branca, ou beluga, é capaz de produzir sons similares à voz humana (Foto: AP Photo/John Bazemore)

As baleias brancas ou belugas são capazes de imitar a voz humana, revela um estudo feito por um grupo de cientistas americanos na Fundação Nacional de Mamíferos Marítimos em San Diego, na Califórnia, e que será publicado nesta terça-feira (23) pela revista “Current Biology”.

Tudo começou em 1984, quando o cientista Sam Ridgway e seus colegas notaram sons pouco comuns próximo do tanque de golfinhos e baleias brancas –  ambos pertencentes à ordem dos cetáceos –, similares a uma conversa distante entre duas pessoas, mas que não era possível compreender.

Dias depois, os pesquisadores ficaram sem reação quando uma mergulhadora emergiu do tanque das baleias e perguntou a seus colegas quem tinha dado a ordem para que ela saísse.

Uma análise acústica determinou que os sons vinham de uma fonte surpreendente: uma beluga chamada Noc.

“Nossas observações sugerem que a baleia teve que modificar sua mecânica vocal para fazer sons parecidos com a fala”, afirmou Ridgway, que atribuiu os esforços do mamífero à necessidade de estabelecer contato com os humanos.

Noc tinha vivido com golfinhos e outras baleias brancas e era visto frequentemente com humanos.

Os autores do estudo explicam que essa não é a primeira vez que eles acham que as baleias parecem imitar os humanos, mas neste caso decidiram recolher mais provas.

Ao gravar os sons de Noc, a equipe descobriu um ritmo similar ao da fala humana e frequências mais baixas que os sons típicos das baleias, muito mais próximos da voz humana.

“Os sons que escutamos eram um claro exemplo de aprendizagem vocal por parte da baleia branca”, afirmou Ridgway.

O fenômeno é duplamente surpreendente, porque as baleias brancas fazem sons por meio de seu duto nasal e não da laringe, como as pessoas. Por isso, para produzir sons humanos, Noc teve que variar a pressão em seu trato nasal e realizar outros ajustes musculares, o que não é fácil.

Noc passou 30 anos na fundação e morreu há cinco, mas sua voz ainda pode ser ouvida nas gravações feitas pelos cientistas.

baleia pa o blog 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14


Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Marinha dos Estados Unidos espera realizar exercícios de teste e treinamento no Atlântico e no Pacífico, que envolverá sonares e explosivos de diferentes tipos

Domingo, 14 de Outubro de 2012

Fonte: The New York Times

0SGE.SLV70.121108171742.photo00.photo.default-512x365

Direitos Autorais da Imagem pertence AFP.

Entre 2014 e 2019, a Marinha dos Estados Unidos espera realizar exercícios de teste e treinamento no Atlântico e no Pacífico, que envolverá sonares e explosivos de diferentes tipos.

Ao longo dos anos, a Marinha foi forçada a reconhecer que a ciência demonstrou claramente: o ruído gerado pelo sonar e detonações subaquáticas pode matar mamíferos marinhos, como baleias e golfinhos, e perturbar o sua alimentação, criação e migração. Na preparação para os seus próximos exercícios, a Marinha pediu ao National Marine Fisheries Service aprovação para “tomar” um número de mamíferos marinhos – “tomar” é o termo amplo para tudo, desde matar essas criaturas até perturbar seus hábitos.

Isso tudo soa como deveria ser, com a Marinha solicitando permissao da agência, como exigido por várias leis que protegem mamíferos marinhos e as espécies ameaçadas de extinção. Mas os números dizem outra coisa. Em suas áreas de teste no Atlântico, no Golfo do México e do Pacífico, a Marinha estima que, entre 2014 e 2019  vai “tomar” cerca de 33 milhões mamíferos marinhos – de baleias azuis aos elefantes marinhos.

A maioria dessas criaturas será perturbada, de alguma forma, mas não ferida ou morta. Mas os danos ainda podem ser consideráveis. O som viaja muito mais rápido através da água do que através do ar, ampliando o seu impacto, e muitos dos sons que a Marinha planeja gera queda nas freqüências mais prejudiciais para os mamíferos marinhos. Mais de cinco milhões deles podem sofrer ruptura de tímpanos e perda auditiva temporária, por sua vez, interrompendo padrões normais de comportamento. Como muitos 1800 pode ser mortos imediatamente, seja por teste ou por ataques de navios.

A Marinha está a decorrer com base em uma decisão da Suprema Corte 2008, em que o Chefe de Justiça John Roberts Jr., escrevendo pela maioria, argumentou que o interesse público em nossa defesa militar fez pender a balança “fortemente em favor da Marinha.” Nós discordamos, assim como as organizações ambientais que processou a Marinha no passado. Talvez o mais alarmante é a conclusão da Marinha – depois de uma lista exaustiva de possíveis lesões e as incertezas envolvidas no seu cálculo – que “os impactos sobre as espécies de mamíferos marinhos e estoques seria insignificante.” Isso é pensamento positivo, na melhor das hipóteses.

A Marinha diz que os exercícios são necessários para testar a sua disponibilidade e sistemas de armas, e que promete fazer todos os esforços para atenuar as consequências adversas para os mamíferos marinhos. Mas o caos sonoro que a Marinha pretende infligir sobre os oceanos deve ser acrescentado à longa lista de outras ameaças que estes mamíferos enfrentam, alguns dos quais, como a baleia do Atlântico Norte, estão na lista de espécies ameaçadas de extinção. Um dano simplesmente inaceitável.

389417_438569226189731_1398568658_n

baleia pa o blog 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14


Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Estudo mostra que litoral do país perdeu 80% de recifes de corais em 50 anos

Quarta-feira, 03 de Outubro de 2012

Fonte: Folha.com

1348751019.0806-foto

O litoral brasileiro perdeu cerca de 80% de seus recifes de corais nos últimos 50 anos devido à extração e à poluição doméstica e industrial, segundo um relatório divulgado neste domingo (23/09/2012). O estudo aponta ainda que o que restou está ameaçado pelos efeitos da mudança climática.

O estudo “Monitoramento de recifes de corais no Brasil”, elaborado pela UFPE (Universidade Federal de Pernambuco) e pelo Ministério do Meio Ambiente, que começou em 2002 e terminou no ano passado, foi coordenado pela professora Beatrice Padovani, do Departamento de Oceanografia.

O documento, que será apresentado amanhã no Congresso Brasileiro de Unidades de Conservação, realizado em Natal, constata a presença de corais desde a costa nordeste do Rio Grande do Norte até o sul da Bahia, se espalhando por cerca de dois mil quilômetros do litoral.

As conclusões do estudo, que se baseiam em pesquisas realizadas anteriormente, revelam que em cinco décadas houve uma redução de 80% dos recifes de coral por diferentes causas, entre elas a extração, a poluição, a pesca pedratória e o aumento da temperatura dos mares.

“Até a década de 1980, houve muita extração de corais para fabricação de cal no país. Essa remoção era feita com picaretas ou explosivos. Só houve uma redução após a criação de leis específicas”, relatou Beatrice.

Além disso, o relatório destaca a mudança climática, o aumento da temperatura dos oceanos e a frequência mais elevada de fenômenos como “El Niño”, que aquece a superfície do Pacífico.

“Em 2012, é provável a ocorrência de um novo El Niño. Os recifes que vão sofrer mais serão aqueles em pior estado de conservação, afetados pela poluição, e que podem ser afetados por doenças”, alertou a especialista.

baleia pa o blog 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14

WordPress Themes