Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Sea Shepherd – SC em Palestra na UNIVALI – Itajaí

Voluntários da Sea Shepherd – SC realizaram neste dia 26 de Novembro Na UNIVALI (Universiadade do Vale do Itajaí), uma palestra a respeito da ONG e de sua ações no Brasil e no Mundo.

Estudantes de Oceanografia, acompanharam as explicações e compartilharam experiências.

Palestras assim são comuns mas pouco divulgadas, e esperamos que voluntários do Brasil inteiro participem de ações desse tipo, apoiando à causa.

Como sempre falamos: “_ O ativismo começa pela divulgação.”

BLOG200923 1

baleia pa o blog 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14


Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Sea Shepherd no III SEMINÁRIO SOBRE DIREITOS DOS ANIMAIS

Data: 1º e 2 de dezembro de 2009

Horário: das 14h00 às 22h00

Local: Auditório da Casa de Cultura Japonesa

Endereço: Avenida Professor Lineu Prestes, 159 – Cidade Universitária – Butantã

ENTRADA FRANCA

Distribuição de certificados aos interessados

Informações e inscrições: lei@usp.br

Tels.: (11) 3091-2441/ 3091-3584

Realização: Laboratório de Estudos sobre a Intolerância (LEI) – USP

baleia pa o blog 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14


Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Japão Volta à Antártida para Roubar Baleias no Hemisfério Sul

Caros/as,

Em outros tempos, os governos latinos faziam demarches diplomáticas, protestos públicos, manifestações de desagrado frente à continuidade da sanha dos baleeiros que vêm ao hemisfério Sul roubar a biodiversidade que compartilhamos. Hoje… tá todo mundo quietinho, em nome de uma “negociação com o Japão para o futuro da Comissão da Baleia” que já tem dois anos e não está levando a nada, enquanto os baleeiros seguem massacrando as baleias no Santuário da Antártida sem qualquer sanção.

Tá na hora de pedir o fim desse imobilismo. Escrevam ao nosso Comissário na CIB, Ministro Fábio Pitaluga, pitaluga@mre.gov.br – dmae@mre.gov.br , e ao Ministro do Meio Ambiente carlos.minc@mma.gov.br pedindo que o Brasil se manifeste formalmente contra esse absurdo, como sempre fez. Ou corremos o risco de sermos omissos na hora errada.

JTruda

baleia pa o blog 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14


Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Baleeiros japoneses zarpam para a Antártica

Como acontece a cada ano, os baleeiros japoneses zarparam nesta quinta-feira (19) para a caça de cetáceos na Antártica.

Três navios partiram do porto de Innoshima. Os baleeiros navegarão durante o inverno (hemisfério norte) no Oceano Antártico para caçar as baleias, sobretudo os pequenos animais que Tóquio recebe autorização para pescar por parte da Comissão Baleeira Internacional em nome da “pesquisa científica”.

As baleias terminam às vezes nos restaurantes, depois dos “estudos” sob controle da Agência de Pesca Japonesa.

Talvez esta seja a última missão do tipo, lembrando que o novo premier japonês, Yukio Hatoyama, fixou a economia orçamentária como uma das prioridades.

A caça da baleia é financiada em parte com dinheiro público.

A campanha japonesa no Antártico provoca críticas internacionais. Nos últimos anos, a associação de defesa do meio ambiente Sea Shepherd entrou em conflito em alto-mar com os tripulantes dos baleeiros.

Com a campanha ecológica, a frota japonesa voltou no ano passado com apenas 680 baleias, contra as 800 ou 900 que pretendia.

O Greenpeace já anunciou que este ano não tem intenção de perseguir os caçadores. Mas a Sea Shepherd comunicou que vai atrapalhar as operações pesqueiras japonesas no Antártico. (Fonte: Yahoo!)


Nisshin Maru visto do Steve Irwin

baleia pa o blog 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14


Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Entrevista com Dan Bebawi, Contramestre do Steve Irwin

Entrevista com Dan Bebawi
Por: Barbara Veiga:

A primeira vez que Dan Bebawi ouviu fala da Sea Shepherd tinha 12 anos de idade, quando viu um documentário na BBC e fascinado ficou imaginando como ele poderia estar envolvido com a Organização se ele não tinha nenhum contato ou habilidade com navios.
O tempo passou, sua vida seguiu e quando ele completou 18 anos, Dan se tornou “vegano” e ativista da causa verde na Inglaterra interagindo com diferentes grupos que tinham ideais parecidos com os dele.
Seis anos depois um amigo dele conseguiu ser tripulante do Steve Irwin e ele pensou: “- Hum…Sea Shepherd…esses caras são legais, eu lembro deles!”.
Nesse momento, Dan se inscreveu para ser um dos voluntários e conseguiu a oportunidade de navegar com a Sea Shepherd pensando que ia trabalhar como mecânico, já que essa era a sua profissão inicial. Mas finalmente ele acabou sendo direcionado para outro departamento e junto com esse amigo ele começou sua historia da organização, tendo que aprender com outros tripulantes tudo sobre barcos e a vida a bordo de um navio.
Dan é o nosso “bosun” (contramestre), que traduzindo seria chefe dos marinheiros. Ele começou a navegar no Steve Irwin em 2006, já foi preso durante campanhas que esteve envolvido e não mede esforços para fazer aquilo que acredita e defende.
Sua família ée de origem egípcia, mas Dan foi criado na Inglaterra desde os cinco anos de idade.
Ele acaba de completar 20 meses e 130 dias de mar no navio Steve Irwin.

IMG 5302

BLOGUE: Quando foi sua primeira viagem no Steve Irwin e como era a tripulação a bordo? Você se adaptou facilmente ao novo estilo de vida que te esperava?

DAN: Nossa tripulação era bem pequena, apenas 14 pessoas navegando. Estávamos saindo da Escócia em direção a Franca. Eu não sabia nem como atar um nó, o que pensando hoje é engraçado. A adaptação foi fácil e rápida.

BLOGUE: Você tem alguma historia engraçada durante seu trabalho? Algo que você ri quando lembra?

DAN: Sim, quando cruzamos a linha do Equador. Acho que faz parte da tradição de todos os navios….nos vestimos de piratas, fizemos uma festa… Foi muito legal.

BLOGUE: Qual a lembrança mais marcante que você tem durante esses anos navegando com o Steve Irwin?Pode ser tanto boa como ruim.

DAN: Eu acho que uma verdadeira combinação do que vivi a bordo de bom e ruim foi durante nossa primeira campanha. Nosso combustível estava terminando e pensávamos que íamos voltar para terra sem ter cumprido com a nossa missão, o que foi muito angustiante. Então era isso! O que íamos fazer? Daí eu me lembro de um dia especifico. Era meia-noite, nos estávamos no mar entre 60 e 70 dias, indo desde a Escócia ate a Antártida. Pensei: “-Uma longa travessia e não tivemos sucesso.” O navio estava indo norte, já voltando, e eu me senti muito triste, depressivo… até que finalmente eles estavam lá! Fizemos o que tinha de ser feito no meio de toda montanha russa que essa campanha tinha sido e nos saímos bem.

BLOGUE: O que você acha sobre o “Whale Wars”? Tem sido mesmo um bom meio para divulgar a mensagem e o trabalho que a organização tem feito ao longo dos 32 anos de existência ou a mídia tem de certa forma manipulado e revertido para uma maneira mais “comercial”?

DAN: Como um tripulante, tenho que dizer que o que esta na televisão não é exatamente o que acontece. As datas e a ordem dos fatos são mudadas, e eles gostam de colocar as perseguições entre uns e outros, coisas que não vão bem a bordo… esses tipos de coisa. Então como tripulante e alguém que estava lá o tempo todo é um pouco frustrante porque você sabe o que realmente aconteceu e quando você vê como parece na televisão você pensa “O que essa gente doida pensa que esta fazendo?”. Mas também muitas pessoas assistem “Whale Wars” e jamais conheceriam a Sea Shepherd se não fosse através desse meio. A organização conseguiu muito apoio não apenas com o programa, mas por serem pessoas que realmente querem tentar ajudar com a causa. Todas as doações, equipamentos de radio de boa qualidade que recebemos… tantas coisas que jamais chegariam no nosso caminho sem ter a contribuição do “Whale Wars” com a extra exposição, o que acho ótimo. Só é um pouco esquisito ver na televisão, mas vale a pena.

BLOGUE: O seu trabalho no convés requer muita atenção na segurança com os marinheiros e com certeza todo cuidado é pouco. Num navio não se brinca, afinal você é responsável pela vida dessas pessoas. Isso gera um certo estresse em você?

DAN: É verdade, às vezes o trabalho no “deck” funciona com muita pressão e com certeza lidar com os riscos na vida das pessoas é algo serio e que precisa de cuidados. É um tipo de trabalho estressante sim, mas eu não pressiono ninguém e sou o que sempre procura pedir para as pessoas relaxarem, tomarem seu tempo de descanso ou folga. Acredito que toda tripulação que se voluntaria para trabalhar aqui é porque realmente se importa com o que fazemos. Todos trabalham duro e procuram dar o melhor de si… então de certa forma tem um lado fácil de lidar com essa responsabilidade. As vezes o trabalho é chato, muita limpeza, martelada, pintura, manutenção do navio… mas a causa é grande.

BLOGUE: Você disse que esta desde 2006 morando no navio a maior parte do tempo. Ter sua namorada a bordo com você te faz sentir mais “em casa”, já que esta longe da sua família?

DAN: Eu acho que é muito bom para o nosso relacionamento, porque senão não iria funcionar pelo tempo que fico embarcado e pelo estilo de vida que sigo. Ela não está aqui por minha causa, mas por acreditar naquilo que faz e por se importar também com a causa. É ótimo fazer algo junto com sua companheira e não acho que todo mundo tem essa oportunidade. Então penso que sou muito sortudo de poder trabalhar com alguém que gosta das mesmas coisas que eu.

BLOGUE: Então do que você sente falta?

DAN: Ahh eu sinto falta dos meus amigos…

BLOGUE: -Você já foi preso em algumas das campanhas, certo? Como foi essa experiência? Fez diferença nos seus valores?

DAN: A partir do momento que você tenta mudar alguma coisa dessa maneira, você afeta os negócios de alguém e esse alguém perde dinheiro, então… eu não acho que fiz algo errado ou ilegal e isso para mim faz a diferença e é uma grande chance para mudanças com assuntos que são relevantes para mim.

BLOGUE: Em situações de confronto com outros navios durante as ações, você se sente amedrontado?

DAN: Claro! Eu acho que qualquer um se sentiria amedrontado quando vários navios te rodeiam com uma distancia de 5 metros de você, chegando perto pronto para uma colisão. Isso pode ser bem louco, sem duvida. Medo é algo importante e faz parte do senso comum. Mas sim, tem vários momentos assustadores durante as ações, com certeza. São que eu estou aqui por uma razão e por estar envolvido com o que faço e me sinto confortável em fazê-lo.

BLOGUE: O que você espera da Operação Waltzing Matilda?

DAN: Nós estamos constantemente aprendendo coisas, aprendendo com nossos erros anteriores então acho que a cada ano nos tornamos um pouco melhores. Nossa tripulação esse ano é fantástica e estou esperando o melhor para essa campanha.

BLOGUE: Qual mensagem você deixaria para todos os membros que colaboram para a organização e fazem isso tudo ser real?

DAN: São apenas 40 camas nesse navio e temos milhões de pessoas que gostariam de viver isso também. Eu queria dizer que pessoalmente, fazer parte mais uma vez de uma campanha é um grande privilégio. É bom poder fazer as coisas funcionarem, ter certeza que o navio esta em boas condições, etc… e com certeza, se não fosse cada membro colaborando, participando não seríamos capazes de seguir adiante. Portanto eu gostaria de agradecer todos pela ajuda.

baleia pa o blog 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14


Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Nosso Planeta estende a mão e agoniza

Os Oceanos e Mares cobrem 71% da superfície terrestre. A soma de suas águas corresponde a 97,3% de toda a água da Terra e são vitais para nossa sobrevivência.
Então por que os estamos destruindo?

Os danos causados pelo lixo nos Oceanos e Mares do planeta são irreversíveis e de proporções catastróficas.

Segundo um levantamento da Organização das Nações Unidas (ONU) feito em 2009, mais de 80% desse lixo é composto por sacolas plásticas e garrafas PET.

Com o tempo, o material se quebra em minúsculas partículas consumidas pelas menores formas de vida marinha na base da cadeia alimentar.

Filtros, restos de cigarros e embalagens de tabaco formam atualmente 40% do lixo marinho no Mar Mediterrâneo, enquanto no Equador o lixo proveniente do mercado do fumo foi responsável por mais da metade de todos os descartes encontrados na costa em 2005.

Em cinco anos de pesquisa na região do Mar do Norte, pesquisadores descobriram que 95% das aves marinhas continham plástico nos seus estômagos. Ou seja, um plástico jogado no mar pode significar a morte de um animal marinho.

Recentemente o mundo observou a descoberta de uma ilha flutuante de lixo no oeste dos EUA, que foi rapidamente chamada de “A GRANDE MANCHA DE LIXO DO PACÍFICO” como um gigantesco testamento da dependência dos seres humanos de objetos de plástico e da sua incapacidade de se desfazer deles de forma apropriada.

Nossos Oceanos recebem cerca de 14 bilhões de quilos de lixo por ano. Como acabar com isso?

MATERIA1
Mar Mediterrâneo, um dos mares mais belos do mundo em estado de calamidade.

As correntes das águas trazem grande parte de todo material descartado pelos humanos que lentamente se acumúla nas praias formando rios de lixo em terra firme. O que um dia foi um verdadeiro reduto da biodiversidade marinha agora agoniza a céu aberto.

Infelizmente o Mediterrâneo tornou-se um dos pontos negros denunciados pelos cientistas e ecologistas. E eu infelizmente constatei isso de perto.

O uso do plástico tem crescido a uma enorme taxa nos últimos anos. De embalagens até equipamentos como computadores, televisões e celulares. Quase tudo que nos cerca tem em sua composição o plástico.

O problema é que essa grande quantidade de lixo já ultrapassou a capacidade de armazenamento em terra, fazendo com que a substância já responda por 70% da poluição marinha por resíduos sólidos.

As fontes de plástico para o oceano são diversificadas, sendo as principais: embarcações, plataformas de óleo e gás, lixo nas ruas que são levados pela chuva e rios, praias sujas, descartes acidentais, disposição imprópria do lixo em terra, acidentes no transporte (pellets), etc.

Esse plástico, uma vez no oceano, pode ter diferentes destinos: praias, fundo oceânico, ingestão e incorporação por organismos ou mesmo ser transportado para regiões distantes onde permanecerá por milhares de anos até se decompor.

MATERIA 1

A verdade é que nossos Oceanos estão morrendo e o tempo para dúvidas se esgotou. Cada indivíduo deve se conscientizar de que se não agirmos de forma coletiva estamos colocando em risco a nossa própria sobrevivëncia.

Devemos começar AGORA.

Faça sua parte!

Por: Aline Louali
Voluntária Instituto Sea Shepherd Brasil, e que está no Norte da África.

baleia pa o blog 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14


Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Entrevista com a cozinheira do Steve Irwin, Laura Dakin

laura2
LAURA1

Reporter: Barbara Veiga a bordo do Steve Irwin

Laura é a nossa chefe de cozinha a bordo do navio Steve Irwin, mas também já trabalhou alguns anos no navio Farley Mowat. Assim como a maioria da tripulação, ela também atua como voluntaria e passa a maior parte do ano embarcada, considerando aqui sua primeira casa. A culinária da nossa cozinheira de 25 anos ‘e totalmente vegana e super variada! São servidas diariamente três refeições: café da manha, almoço e janta, e em todas as refeições ela tem um assistente ajudando nos preparativos e a servir os 25 tripulantes que temos a bordo no momento. Com a chegada da mídia do Animal Planet, no momento de seguirmos ate a Antártida, o numero de pessoas a bordo pode chegar ate a 40! Então Laura vai precisar de mais ajuda, mas seu toque final é único e especial.

BLOG: Quando foi seu primeiro contato com a Organização?

LAURA: Em 2005 eu estava visitando o navio em Bermuda e perguntei se eu poderia trabalhar como voluntaria. Fui aceita e o navio estava partindo no dia seguinte, o que só’ me deu tempo de voltar em casa fazer minha mala e ir embora.

BLOG: Quando você começou a se preocupar com causas ambientais e querer fazer parte delas?

LAURA: Não houve um momento-chave na minha vida, porque eu sempre estive de certa forma envolvida com o meio ambiente e sempre me preocupei sobre o que estava acontecendo no mundo.

BLOG: Seu primeiro trabalho a bordo foi como engenheira assistente, como isso se reverteu para cozinheira?

LAURA: Sim, ‘e verdade. Comecei meu trabalho a bordo como engenheira assistente e foi assim por dois meses, mas eu não me identificava e não gostava tanto assim. Foi quando então surgiu uma oportunidade de trabalhar na cozinha e eu fui ver no que ia dar.

BLOG: Você já costumava a trabalhar como chefe quando não estava a bordo?

LAURA: Definitivamente não! Essa tinha sido minha primeira experiência e não sabia nada sobre gastronomia. Eu era uma cozinheira bem ruim para falar a verdade…

BLOG: Mas ‘e verdade que você costumava ser a cozinheira da banda de rock Red Hot Chilli Peppers?

LAURA: Eu trabalhei especialmente para o cantor. Não sei se todos os integrantes são veganas, talvez o Flea. A experiência foi legal! Foi durante uma turnê que eles estavam fazendo nos Estados Unidos e durou mais ou menos um mês.

BLOG: Sua cozinha sempre foi “vegana”? Qual o propósito da retirada dos ovos e leite ou queijo?

LAURA: Sim. As razoes para seguir o veganismo são muitas. Primeiro pelas questões ambientais, segundo pelos maus tratos que sofrem animais… então ‘e basicamente pelo direito deles alem de ser uma escolha pessoal ética.

BLOG: Como você aprendeu a fazer feijoada? (VEGANA)

LAURA: Ah! Isso foi quando tivemos a bordo a brasileira Roberta, que também trabalhava como cozinheira comigo. Ela me ensinou e desde então comecei a preparar…
- E a tripulação adora… e com certeza eu me sinto um pouco em casa também!
(Risos)

BLOG: Passar tantos meses a bordo de um navio deve ser difícil no que corresponde a vida pessoal/social. Você tem namorado?

LAURA: Eu imagino que a minha vida pessoal já ‘e aqui no próprio navio. Eu tenho estado aqui por tanto tempo que eu não sei mais a diferença da minha vida a parte desse Universo e sinto que aqui ‘e meu espaço. Eu não sei… eu não posso dizer que tenho uma vida pessoal em casa, quando não estou no navio. Eu tenho muitos amigos a bordo (ou não… risos), mas confesso que às vezes eu sinto falta sim de ter uma base, eu acho. Um lugar aonde eu possa ter meu jardim, por exemplo.
Ao mesmo tempo eu gosto desse estilo de vida, de estar indo sempre por todas as partes, viajando… Mas eventualmente sim, eu acho que vou querer uma base na minha vida.

BLOG: E sua família? Eles te apóiam na sua decisão de fazer parte da Sea Shepherd e não se preocupam pelo fato de você estar sempre fora de casa?

LAURA: Meu pai trabalha para a marinha australiana como capitão. Ele não apóia o que faço para a Sea Shepherd e já tentou me fazer desistir e deixar a Organização algumas vezes. Porem em alguns momentos, eu posso dizer que ele sente ate um certo orgulho e seus olhos brilham por ter uma filha que faz parte do “planeta vegano”. Já a minha mãe sempre me da muito suporte no que eu faço, mas eu acho que eles com certeza ficam preocupados, eles sempre ficam.

BLOG: Você fica mareada (enjoada) quando navega?

LAURA: Nunca.

BLOG: Quantas campanhas você já participou na Organização? Você tem alguma preferida?

LAURA: Estou envolvida com a Organização desde fevereiro de 2005, então estive em todas elas e foram muitas nesse meio tempo. Mas definitivamente a minha preferida foi a de Galapagos. Eu estava constantemente trabalhando, tirando as linhas e a cada anzol ou rede que eu tirava eu podia sentir que era uma vida… mais uma vida de volta! Em termos de poder sentir o valor da vida e salva-las, bem, ‘e… acho que essa foi a campanha mais significativa para mim.

BLOG: Qual a relevância para você de estar aqui a bordo fazendo parte dessa missão ha tantos anos?

LAURA: Suficiente importante para querer ficar aqui por muito tempo. A partir do momento que você esta envolvido com isso ‘e difícil de parar, na verdade ‘e impossível de parar, porque toda sua vida começa a mudar e seus valores e necessidades também, então estar aqui já faz parte de mim.

BLOG: Durante as ações você já sentiu medo?

LAURA: Não, eu não tenho medo durante as ações. Fico com medo as vezes quando temos aquelas serias tempestades que duram uma eternidade e são enormes… ai sim! (Risos) Mas durante as ações o que desperta dentro de mim ‘e uma certa raiva que me faz ser forte o suficiente e não ter espaço para medos. Eu tenho raiva só em pensar no que esta acontecendo e no que tem sido feito… Então meu sentimento na verdade ‘e a raiva durante as ações.

BLOG: Você deve imaginar que ha um risco nas ações… e você poderia morrer pelas baleias durante essas atividades. Você se sente confortável em fazê-lo?

LAURA: Eu definitivamente colocaria minha vida em risco pelas baleias. Obviamente ‘e por isso que estou aqui, esse ‘e o meu trabalho e o que estou fazendo. ‘E claro que eu não entraria no dilema “Sou eu ou elas”, mas se eu tivesse que correr algum risco eu não pensaria… faria!!!

BLOG: Qual a mensagem sobre conscientização ambiental você deixaria para os brasileiros?

LAURA: Cada pessoa tem diferentes habilidades ou talentos que podem ser usados para uma mudança no que essas mesmas pessoas
consideram como “errado” no mundo. Escrevendo, cantando ou cozinhando… não precisa ser apenas por causas ambientais, mas para o melhor do planeta. Então o que eu posso dizer ‘e… use sua habilidade para o melhor!

BLOG: E para os japoneses que vão todos os anos para a Antártida cometer o massacre das baleias? Algum recado?

LAURA: Melhor ficar de olho no que vocês andam fazendo, porque nos estamos aqui.

BLOG: Você acha que a Sea Shepherd em 2009/2010 vai ter uma expedição mais importante do que os outros anos?

LAURA: Sim, acho que uma coisa grande esta para acontecer a qualquer momento nesse ano… algo esta sendo construído e esta crescendo.

BLOG: É pelo fato do Earthrace estar dando suporte para a Organização esse ano?

LAURA: Pelo numero de pessoas envolvidas, a mensagem e dilema sempre debatidos e pela raiva dos japoneses que aumenta a cada ano…
Este ano o antigo navio EARTHRACE, capaz de fazer velocidades de até 50 milhas náuticas por hora, irá acompanhar a frota japonesa em tempo integral.

A MESSAGE TO LAURA FROM BRAZIL:
One day, when you come to our land, tell us and we will take you to a tour and show all the tastes of our homeland. Our juices, fruits and vegetables.
And we wish to try your delicious vegan meals too.
Thank you to be what you are.
And don’t forget:
Send the japs a nice BANANA! Thats an expression we have here, tell Barbara to explain ok.
Kisses and hugs from Brasil.
Fotos: LAURA DAKIN
CRÉDITO: Barbara Veiga

Fotos: LAURA DAKIN
CRÉDITO: Barbara Veiga

baleia pa o blog 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14


Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

Warning: strtotime() [function.strtotime]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 35

Warning: date() [function.date]: It is not safe to rely on the system's timezone settings. You are *required* to use the date.timezone setting or the date_default_timezone_set() function. In case you used any of those methods and you are still getting this warning, you most likely misspelled the timezone identifier. We selected 'America/Sao_Paulo' for 'BRT/-3.0/no DST' instead in /home/storage/7/5b/77/seashepherd/public_html/blog/wp-includes/functions.php on line 43

STEVE IRWIN E ADY GIL NA PREPARAÇÃO PARA A BATALHA DAS BALEIAS

Os Navios da Sea Shepherd, STEVE IRWIN e ADY GIL (Ex Earthrace) estão sendo preparados para a missão anual Antártida.

A tripulação luta diariamente dando seu melhor para que os mesmos estejam prontos antes do prazo e possam zarpar rumo ao continente gelado assim que possível nas primeiras semanas de Dezembro.
A bordo temos uma Brasileira, Bárbara, que faz parte do time de mídia.

Frequentemente recebemos notícias dela e as últimas são de que todos lá estão a postos e preparados, a moral está alta e estão muito animados sabendo que os brasileiros os apóiam.

A MESSAGE TO OUR CREW IN AUSTRALIA:
BRAZILIANS ARE BY YOUR SIDE. GO AND SEND THE JAPS BACK TO JAPAN.
YAHOY TO ALL CREWMEMBERS.

Abaixo algumas fotos do nosso tão querido Steve Irwin.

Todas as Fotos:
Crédito de Bárbara Veiga exceto a do Ady Gil.
SS5A
SS1A
ady gilbaleia pa o blog 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14

WordPress Themes